Quinta, 29 de Outubro de 2020 15:30
69 98133-2589
Capital ATUAÇÃO

Prefeitura reforça fiscalização para garantir funcionamento apenas dos serviços essenciais

Fiscais do Município terão apoio da Polícia Militar para interditar todos os comércios que descumprirem o decreto

01/07/2020 21h04
89
Por: Redação Fonte: COMDECOM
Divulgação
Divulgação

A Prefeitura de Porto Velho, por meio do Departamento de Posturas da Subsecretaria Municipal de Serviços Básicos (Semusb), retomou nesta quarta-feira (1º), as ações de fiscalização em todas as áreas comerciais da cidade, especialmente nas regiões Central, Norte, Sul e Leste, onde se concentram o maior número de estabelecimentos.

O subsecretário Rainey Viana (Semusb) disse que o objetivo da fiscalização, conforme orientação do prefeito Hildon Chaves, é fazer cumprir a portaria conjunta nº 11, de 29 de junho último, que colocou Porto Velho novamente na Fase I do Decreto nº Decreto nº 25.049, de 14 de maio de 2020 do governo estadual, para que funcionem somente os serviços essenciais, visando manter o distanciamento social e conter ainda mais o avanço do novo coronavírus.

“Nesse primeiro dia nossos fiscais estão verificando in loco quais os estabelecimentos que estão infringindo a legislação que determina o funcionamento somente dos serviços essenciais. A partir desta quinta-feira pela manhã (2), nós faremos a interdição dos estabelecimentos que estão descumprindo o decreto”, afirma Viana.

Para garantir a segurança de toda equipe responsável pela fiscalização e interdição dos infratores, o secretário informa que os servidores municipais atuarão em conjunto com a Polícia Militar em várias diligências pela cidade.

“Vamos continuar com o nosso trabalho inclusive durante a noite, para fechamento dos bares, casas noturnas e demais estabelecimentos que não estão autorizados a funcionar”, pontuou Rainey Viana.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias